Ricardo Cabral & Familia

$130.00

Planejamento de viagem 

Local - Califórnia  

Data -  24 de maio a 01 de junho

Sugestão de roteiro

 

De 24 a 28 ( 4 noites )  San Francisco + Napa Bottle Rock

( San Francisco até Carmel dá 200 km, umas 2h30 de viagem pela Highway 1 )

De 28 para 29 ( 1 noite )  Carmel

( de Carmel até o Santa Bárbara são 383 km, umas 4h30 de viagem pela 101 South. Infelizmente não é possível fazer a Highway 1 até LA porque ela teve um desmoronamento ano passado na cidade de Gorda e ainda não está aberta para os carros. Minha sugestão é fazer um pedaço dela e daí seguir pela 101.)

De 29 para 30 ( 1 noite )  Santa Bárbara

( de Santa Bárbara até Los Angeles são  km ) 

De 30 a 01 ( 2 noites ) Los Angeles

 

Clique AQUI para ver o mapa do itinerário! O trecho todo dá 734 km

 

HOTÉIS

 

San Francisco

OMNI HOTEL 

 

Carmel

Happy Landing Inn 

 

 Santa Bárbara

Marina Beach Motel 

 

Los Angeles - Santa Mônica

Ocean View Hotel 

 

Dia 24

Chegada em San Francisco pela manhã ( 10h30 ), até pegarem as malas e se dirigirem ao hotel, provavelmente vocês devem fazer o check in próximo do meio-dia. 

Sugiro pegar um Uber para ir ao hotel. No aeroporto tem wifi de graça, então fica fácil de fazer o pedido do Uber. Sem duvida, é o jeito mais cômodo, rápido e barato. Como vocês estarão cansados da viagem e com o fuso de 4 horas do Brasil meu conselho é ir devagar no primeiro dia, até porque tem o Napa Bottle Rock já no dia seguinte. 

Minha sugestão é fazer um pequeno passeio na redondeza do Omni mesmo, que é pertinho de Chinatown e da Union Square. Então vamos lá!

Provavelmente vocês estranho com fome, entanto eu sugiro aproveitarem e irem conhecer North Beach, que é o bairro italiano da cidade. Lá tem algumas pequenas atrações bem únicas e interessantes. 

Sentinel Building  ( o famoso edifício do Francis Ford Coppola ) - um marco na cidade, ele foi construído em 1906, bem na época do primeiro terremoto que abalou a cidade. Hoje pertence ao cineasta Coppola que tem seu escritório por lá. No térreo tem inclusive um café bem gostoso. 

City Lights Bookstore - construída em 1953 por 2 poetas, a livraria é um ícone na cidade porque na época da contracultura, da geracão beatnik ela era a única que dava apoio a época de repressão, e também onde foi criado o pocket book ( livro de bolso ). Vale a pena a visita.

Beat Museum - fica tudo ali do ladinho, quase na mesma quadra. O museu conta um pouco da história da geração beatnik, um movimento de poetas e escritores ( Jack Keruak ) que seguiam uma vida alternativa e radical no final dos anos 60 no país. 

Os restaurantes que indico para comer na região:

Stinking Rose - se vocês gostam de alho, irão amar, se não, saiam correndo! A especialidade da casa é alho, e tudo lá vai o tal condimento. 

Calzones - um clássico italiano da cidade. Vale a pena! A pizza é boa e as pastas também. 

Depois se quiserem, uma boa pedida é dar uma caminhada por Chinatown. Tem alguns lugares interessantes para conhecer:

Vocês podem até passar na frente do portal de entrada, ( que fica entre a Bush st com a Grant st. ) e ver umas lojinhas. Essa é a foto da entrada de Chinatown. Por aqui vocês podem explorar o bairro que é uma graça. Se quiserem conhecer a fábrica mais antiga dos biscoitos da sorte ( fortune cookie ) é só procurar o endereço: 56 Ross Alley. Veja AQUI  o link.

Depois desse passeio, se animarem aconselho dar uma volta na Union Square, onde fica toda as principais lojas da cidade: Apple, Macy's, e todas de alta costura. 

Clique AQUI para ver o mapa com todos os endereços que mencionei... vocês podem percorrer a pé desde o hotel até North Beach e Chinatown.

Se quiserem jantar, tenho dois restaurantes para indicar:

Boulevard Restaurant - um dos melhores restaurantes da cidade! aconselho reservar.

Waterbar - outro sucesso na cidade, mas esse com vista escandalosa para a Bay Bridge! É demais a comida deles!

 

Dia 25 

Dia de Napa Bottle Rock. Vocês pegam o ônibus às 13 horas ( precisa ver o local direitinho ) e retornam às 23 horas. 

 

Dia 26

Vocês tem hoje e amanhã tem para dar uma boa explorada em San Francisco.

Segue abaixo alguns pontos imperdíveis na cidade:

Twin Peaks - um ótimo lugar para conhecer, uma jóia escondida na cidade! Sãõ as duas colinas mais altas de San Francisco e com uma das mais belas vistas da cidade. Aqui o cenário é lindo para fotografar.

Endereço - 501 Twin Peaks Boulevard, San Francisco, CA 94114

Golden Gate Bridge - o mais famoso cartão postal de San Francisco e o mais representativo ponto turísitico na costa oeste americana. A maravilha arquitetônica e imponência da Golden Gate é algo emocionante. Cruzar a ponte e admirar San Francisco lá do alto de Marin Headlands é algo inesquecível. Prepare sua câmera fotográfica porque a experiência é para guardar para a eternidade. 

EndereçoGolden Gate Bridge, San Francisco, CA 94129

Baker Beach - uma das praias mais bacanas de conhecer, com árvores gigantescas e que dá para admirar a Golden Gate de um ponto estratégico. Além disso é uma oportunidade de sentir bem de perto a energia poderosa do maior oceano do mundo: o senhor Pacífico. Se puder, assista o pôr do sol na praia, pelo menos um dia. É lindo!

Endereço - entre a Fauntleroy Lane & Clarke Lane in Presidio

Treasure Island e cruzar a Bay Bridge - Essa ilha fica bem em frente da cidade e tem uma das vistas mais lindas de San Francisco. Dá para conhecer a parte nova desta ponte ( que liga San Francisco ao lado leste da Baía ) que foi inaugurada em agosto de 2013. 

Dolores Park - aqui é onde os San Franciscanos se encontram para fazer um picnic, levar a criançada para brincar e os cachorros para passear. Um parque com uma vista linda e frequentada por locais. 

Endereço - 19th & Dolores St, San Francisco, CA 94114

Álamo Square - um passeio imperdível é passear e fotografar as famosas "painted ladies", um dos mais famosos cartões postais de San Francisco.

Endereço - entre a Steiner St & Hayes St

Lombard Street - a rua mais curvilínea do mundo tem uma vista linda e já serviu de cenário para alguns filmes rodados na cidade. 

Endereço - 1000-1099 Lombard St

Castro st e Haight st - são dois bairros vizinhos e bem badalados. O primeiro começa nas esquinas Haight & Ashbury que foi o berço do movimento hippie na cidade nos anos 60. A rua tem várias lojas bacanas e alternativas e a maior loja de discos independentes do mundo, a Amoeba. Nessa rua tem a casa onde morou Janes Joplin e também a casa do Jimmy Hendrix ( que veio de Seatlle para se juntar a turma no Summer of Love de 68). Bem pertinho da Haight, tem a Castro St, onde fica o maior bairro gay do mundo. É bacana para conhecer a casa onde Harvey Milk morou e visitar um dos espetáculos da cidade: o Castro Theater. É de emocionar de lindo.

Golden Gate Park - aqui dá para passar um dia todo explorando o gigantesco Golden Gate Park. Lá tem o belíssimo conservatório de flores, o Japanese Garden, e dois museus mais famosos da cidade: o De Young e o Academy of Sciences.

Olha Ricardo, uma boa alternativa ( pra vocês que tem apenas 48 horas na cidade ) é pegar o doble deck vermelho que vai parando nos pontos turísticos ou se quiserem podem fazer o tour comigo que eu levo vocês por toda a cidade! Inclusive é minha especialidade! Se você quiser reservar comigo faço desconto pagando em cash no dia ( U$ 150 ). Aqui está o meu link link:

https://avidaeumaviagem.org/products/san-francisco

No primeiro dia eu faria o seguinte passeio:

Pela manhã começaria explorando a região de Fisherman’s Wharf, que é cheia de atrações e lotada de turistas. No Fisherman's Wharf, vocês verão diversas barraquinhas o famoso siri de San Francisco, chamado Dungeness, de carne doce e firme, que vem desde as águas do Alaska.

Se interessar, dá para ver os leões marinhos que ficam no Pier 39. Lá também tem muitas lojas, restaurantes e gente por tudo! Aliás restaurantes nessa região são todos meio duvidosos, super “pega-turistas”. Entretanto, não posso deixar de indicar um ícone de San Francisco, a padaria Boudin, que fica no Pier 43. Eles fazem pães em diversos formatos e são especialistas no famoso pão sourdough. Se der vontade, experimente com prazer a famosa clam chowder, uma sopa no pão famosa da padaria. Para quem quiser outra opção, a sopa de creme de cebola e maçã também é bem gostosa. http://www.boudinbakery.com/

Por perto ali fica a Ghirardelli Square, que na região é um dos meus lugares favoritos! Antigamente ali era ( mais de 100 anos atrás) uma fábrica de chocolate. O letreiro do telhado e a torre do relógio ainda são do prédio original. Aproveitem para experimentar os sorvetes incríveis que são vendidos no local. É muito famosa essa marca de chocolate na Califórnia!

Depois iria até a Golden Gate passear, fica pertinho, é só pegar um Uber. Na volta passaria na Lombard Street para ver a rua mais sinuosa do mundo. 

De tarde, iria explorar a região do Golden Gate Park e a Haight st, onde nasceu o movimento hippie !

Comecem pelo Golden Gate Park. Peçam para o motorista deixar vocês no Conservatório de flores...lá vocês podem ir caminhando para os dois museus do parque: De Young e o Academy of Sciences.

Aconselho conhecer o Academy of Sciense ( se vocês acharem tempo é claro ). Tem um aquário muito legal, além uma máquina que imita direitinho a sensação de um terremoto. Depois a pé mesmo dá para ir até a Haight st ( é só perguntar pro pessoal na rua..aqui todo mundo é muito simpático) e conhecer o mercado ôrganico mais bacana da California: o Whole Foods. Na Haight é onde nasceu o movimento hippie e você poderá ver isso nas ruas. Para jantar na região eu aconselho ir no Cha Cha Cha

 

Dia 27

É o ultimo dia em San Francisco! pela manhã eu aconselho conhecer o bairro que está mais na "moda" em SF e onde vivem os locais, o pessoal da tecnologia ( que trabalham no Vale do Silicio ) chamado Mission.

Comece o dia indo até o Dolores Park para admirar a cidade lá do alto ( dá até para fazer um picnic ) e depois siga para uma rua chamada Valencia st. Essa rua é super bacana e cheia de restaurantes legais e lojinhas super modernas. Só de andar por essas ruas vocês já se encanta de ver o "san franciscano" em seu habitat natural.

Coisa que vc nunca verá no Fishermann's Wharf, por exemplo. No final de tarde você pode ir até o bairro da Castro, onde nasceu o movimento gay do mundo. É bem interessante. É só pedir para o taxista te deixar na Castro com a 18 st. Lá tem um restaurante bem gostoso chamado Mystique se bater uma fominha...

Depois do almoço aconselho ir até a Álamo Square para ver as "painted ladies" um famoso cartão postal da cidade. 

 Depois para terminar o dia iria ver o por do sol na colina mais alta da cidade chamada Twin Peaks. Lá você vê a cidade toda e o visual é lindo. De noite, se quiserem jantar com uma vista linda eu aconselho ir até o Cliff House, lá tem uma linda vista do oceano Pacífico! E a comida é bem boa. Boa sorte!

 

Dia 28 

Pela manhã fazer check out e pegar estrada cedo porque hoje vocês vão dormir em Carmel. Os próximos dois dias de viagem ( que vai desde San Francisco até Los Angeles vai surpreender vocês!).

TRAJETO SAN FRANCISCO - CARMEL 

Segue o mapa do trajeto SAN FRANCISCO-CARMEL  AQUI

O caminho não é longe ( 3 horas direto ) mas tem muitas coisas pra ver. A idéia hoje é conhecer tudo que tem de belo na estrada até chegar em CARMEL, ou seja, a idéia é conhecer Santa Cruz, a 17 miles e por último, já no final da tarde fazer o check in em Carmel. 

Minha sugestão seguir pelo GPS até Santa Cruz que é uma pequena cidade, muito charmosa e bem conhecida pela comunidade de surf, onde desde o avô até a criança vão todos para o mar pegar ondas juntos, isso inclui as mulheres da familia!

Um dos lugares mais legais de visitar é o museu do surf que fica no lighthouse, em frente da praia. Santa Cruz é a cidade do surf no norte da Califórnia. Vocês sentirão a energia do skate e do surf por todos os lados. Lugares muito legais de visitar:

Santa Cruz Surf Museum - onde os surfistas pegam onda, com um memorial com homenagem aos que já se foram, o cliff ali é um dos lugares mais bacanas de ver o pôr do sol. 

Santa Cruz Boardwalk - é um parque de diversão de frente pra praia. Bacana nos dias de semanas. Fim de semana fica amontoado de gente. 

Santa Cruz Wharf - é o píer famoso da cidade. Lá é bacana almoçar nos restaurantes assistindo o pôr do sol. Segue o link com algumas opções de restaurantes por lá AQUI

Depois de Santa Cruz é só seguir a estrada até chegar Carmel. Meu conselho é pegar a 17 miles de tarde, umas duas horas antes do pôr do sol e dirigir por ela até chegar em Carmel. 

Conhecida como umas das estradas mais bonitas do mundo a 17 mile drive é curta, tem, como o nome já diz, 17 milhas de extensão. Mais ou menos uns 27 km, que nós demoramos quase uma hora e quarenta para percorrer por que não tem como passar por tanto lugar lindo e não parar.

Saindo de Monterey, você deve pegar a Sunset Drive e ir percorrendo a costa até que vai se deparar com uma portaria. É aqui que vc paga o pedágio de $9,95, ganha um mapa e começa sua viagem por uma paisagem como nenhuma outra. É só seguir a faixa vermelha no chão e acompanhar no mapa os principais pontos da rota.

No final do dia, depois de passear pela 17 miles, minha sugestão é ir de carro até Carmel ( 20 minutos de Monterey ) para conhecer o centrinho da cidade, dar uma caminhada e ver o pôr do sol nas praias de Carmel. Se bater uma fome, vocês podem jantar em Carmel. Bom descanso!

Restaurante em Carmel que eu indico:

La Bicyclette - restaurante lindinho, charmoso e comida delicia!

 

Dia 29

TRAJETO CARMEL - SANTA BÁRBARA 

Segue o mapa do trajeto CARMEL - SANTA BÁRBARA  AQUI

Após o belo café da manhã e check out em Carmel é hora de começar a descer pela estrada até Santa Bárbara ( que são mais 370 km de estrada curvilinea ou seja umas 6 horas de estrada ).

Lembre-se, esse é momento mais lindo de toda a estrada, o que eu chamo da jóia rara do Big Sur. Nesse dia o objetivo é viajar sem pressa, só admirando a natureza que vem pela frente. Vocês começarão a entrar no Big Sur, que é uma área de preservação ambiental. Alguns lugares nesse trajeto que são lindos de conhecer:

VISITAR A PFEIFFER BEACH - quando entrar no Big Sur que é a estrada chamada Cabrillo Highway precisa prestar atenção nas placas porque para pegar a estradinha para o Pfeiffer Beach não é tão simples. Se você estiver com GPS (o que é ótimo) coloque o endereço Sycamore Canyon Rd. No mapa que fiz para vocês tem o caminho. O lugar é impressionante, com uma praia linda, normalmente sem muitas pessoas e com uma rocha no meio do mar. mando uma foto para vocês verem...
ALMOÇAR NO NEPHENTE - É um lugar muito especial, que você pode tomar um café ou mesmo almoçar (já que existe um restaurante e um cafe no mesmo lugar) de frente para o Pacífico. Clique AQUI pra ver o site do lugar.
VISITAR A JULIA PFEIFFER BURNS STATE PARK - Aqui também tem outro ponto para parar e observar a magnitude do Big Sur. Você precisa estacionar no Parque, atravessar a rodovia e seguir por umatrilha até dar de cara com uma das praias mais lindas do lugar também. Se você seguir o fluxo das pessoas, você vai achar o lugar rapidinho. Segue a foto com a paisagem do lugar. Um deleite para os olhos. 
Obs - Esse três passeios acima  estão bem próximos um do outro, questão de meia hora aproximadamente e onde fica a melhor parte do Big Sur. Depois desses três lugares, além da estrada que é um espetáculo à parte, tem vária pontes lindas para parar e fotografar.
Notícia importante ( prestem atenção ok ) - vocês não vão conseguir descer todo o trajeto até Santa Bárbara pela estrada 1, porque tem uma parte que está em reforma ( houve um deslizamento ano passado e eles ainda estão arrumando ), então quando chega na cidade de Gorda, é só seguir as placas para Santa Bárbara.
Provavelmente eles devem fazer a "baldeação" pelo estrada 101. Vocês verão essas placas no caminho escrito DETOUR, é só seguir ela...que elas vão levar vocês até Santa Bárbara. 
Provavelmente vocês devem chegar em Santa Bárbara final de tarde para jantar e descansar.
 

Dia 30

Pela manhã o negócio é tomar um café e dedicar o dia para conhecer essa cidade com fortes influências espanholas na sua arquitetura e culinária. Conhecida também por ser a riviera americana, Santa Bárbara é uma cidade pra lá de charmosa. 

O mais legal é andar pelo píer, que se chama Stearns Wharf ver as lojinhas e ir até a praia para ver os barcos ancorados. Outro lugar bacana de passear é ir no Paseo Nuevo que fica na State st. Lá tem vários restaurantes, lojinhas tudo com arquitetura espanhola.

Meu conselho é passar a manhã passeando pela cidade, almoçar por lá mesmo e daí de tarde seguir para Los Angeles. A viagem deve durar umas 2 horas. 

Como vocês terão apenas umas horinhas em LA, aconselho no final do dia, depois do check in no Marina Beach Hotel ir passear no píer de Santa Mônica e ver o pôr do sol. E depois ir caminhando até Venice que é a praia ao lado. 

Segue AQUI o mapa só para vocês se localizarem na região das praias de Los Angeles. 

Endereço do Píer

200 Santa Monica Pier, Suite A
Santa Monica, CA 90401
 

Vamos falar melhor sobre Venice, que é um lugar polêmico. A cidade desde sempre atraiu muitos artistas. Hoje é um lugar meio caótico, com muitos artistas de rua tentando encontrar seu lugar ao sol através de performances feitas na “ocean front walk” para ganhar alguns trocados. Quem vem até Santa Monica geralmente vai até Venice para conhecê-la e é aí que as opiniões se dividem. Tem gente que acha o lugar o maior barato, com esse estilo descontraído e cool. Para outros, Venice tem um aspecto meio “trash” e decadente. 

Reparem que há academias na praia, tanto que existe a Mucles Beach. Era por aqui que Arnold Schwarzenegger treinava antes de ficar famoso.

O ponto mais legal de Venice é a Abbot Kinney Blvd., cheia de galerias de arte, lojas transadas e moda vintage. Dizem que é muito legal ficar aqui no final de tarde e depois emendar num jantarzinho.

Imagino que vocês já estejam com fome, então minha dica é irem até o restaurante Huckleberry. A proposta é simples, eles servem saladas e sanduíches, mas o restaurante é super bem recomendado. 

http://www.huckleberrycafe.com. Endereço: 1014 Wilshire Bvld.

Se houver tempo e disposição, peguem uma bicicleta para fazer todo esse trajeto das praias. Sigam pela Bike Path ( ciclovia ) na direção oposta à Venice. O visual é lindo! Quando a ciclovia acabar, saibam que chegaram a Malibu, a praia do famoso seriado Baywatch em que Pamela Anderson corria pelas areias brancas com seu maiô vermelho. Ela não está mais por aqui, mas dizem que os golfinhos todos os dias dão as caras.

Já de noite, acho que vale curtir as atrações do Pacific Park até a hora do jantar que que pode ser na Third Street Promenade.

Endereço da Third Street Promenade:

1351 3rd Street Promenade, Santa Monica, CA 90401

De novo por essas bandas, não deixem de conhecer o Santa Monica Place, shopping no quarteirão de trás da praia.

Endereço do Santa Mônica Place:

395 Santa Monica Place, Santa Monica, CA 90401

Para jantar eu aconselho dois restaurantes com vistas bem legais:

http://www.shorehotel.com/Eat/Blue-Plate-Taco ( fica de frente para o Píer de Santa Mônica e a comida é deliciosa )

http://www.geoffreysmalibu.com/ ( em Malibu com umas das vistas mais lindas da praia. É bom reservar com antecedência no open table )

 

Dia 1

Ultimo dia da viagem, por isso tentem aproveitar o máximo Los Angeles. 

Vocês estão na segunda maior cidade dos Estados Unidos, super populosa e a mais motorizada do país! Los Angeles é famosa pelos seus engarrafamentos monumentais. Há que se ter paciência... Peguem o carro pela manhã e dirijam até o Griffith Park. Trata-se do maior parque municipal dos Estados Unidos e que fica no topo das montanhas que circundam Los Angeles.

Dentro do parque está o Griffith Observatory, que abriga o museu da astronomia e também o planetário. Daqui a vista da cidade é incrível: de um lado a cidade de Los Angeles e de outro Hollywood Hills. Aliás, com uma câmera poderosa, daqui vocês conseguem tirar uma boa foto do famoso letreiro de Hollywood. Este marco foi criado em 1921 como peça publicitária e acabou ficando famoso por aparecer em diversos filmes.

Sigam de carro até a região de Hollywood, lugar celebrado pela indústria cinematográfica americana. Há muito tempo as antigas plantações de laranja deram lugar aos holofotes de Hollywood. Muitos dizem que é um programa de índio, mas para quem ainda não conhece, acho que tem que ir nem que seja para depois poder falar mal com propriedade! O caminho é pela famosa Sunset Boulevard.

Endereço do Griffith Observatory:

2800 East Observatory Road, Los Angeles, CA 90027

Já a pé, vejam a Calçada da Fama cheia de estrelas no chão com os nomes dos artistas, bem como o Grauman’s Chinese Theater, que no seu pátio tem as mãos, os pés e os autógrafos das estrelas de Hollywood gravados no cimento. Se acharem que pode ser divertido e que estão bem de tempo, aqui ao lado do Grauman’s Chinese Theater ficam três atrações interessantes: o museu de cêra Madame Tussaud’s, o Hollywood Guinness World Record Museum e o Ripley’s Believe it or Not. Mas, sinceramente, só os visitem se realmente for cedo ainda, porque há outras coisas importantes a se fazer hoje.

Endereço do Grauman's Theater:

Hollywood & Highland, 6925 Hollywood Boulevard, Hollywood, CA 90028

Atualmente a cerimônia de entrega do Oscar acontece no Kodak Theater, que também fica aqui pertinho e vocês podem dar uma olhada onde o famoso tapete vermelho é estendido. Depois aconselho seguir até Beverly Hills  uma cidade independente de Los Angeles, com legislação própria. É aqui que tudo acontece! São várias lojas e restaurantes, frequentados inclusive pelas estrelas de cinema. 

Endereço do Kodak Theater:

Hollywood & Highland, 6801 Hollywood Boulevard, Hollywood, CA 90028

Há por aqui um passeio de ônibus para conhecer as casas das estrelas de cinema “Movie Star’s Homes Tour”, ainda que a maioria dos famosos já tenha se mudado daqui. Não sei se dá tempo de ir, mas saibam que é uma das atrações bastante popular. 

A hora agora é de bater perna pela charmosa Rodeo Drive, com suas lojas elegantérrimas. Além de andar pela N Rodeo Drive procurem andar em direção à Robertson Blvd, rua bem bacana com várias lojas legais ( BCBG, Paul & Joe, Zimmermann, Kitson Kids, etc ).

Para ser bem sincera, eu não curto muito essa parte de LA ( Hollywood Boulevard,  é bem decadente ), então se quiserem outra sugestão eu indico irem até o Getty Museum, um museu de arte moderna incrível de LA. Eu considero imperdível! O lugar é lindo, com um jardim maravilhoso e muita arte! Segue uma foto!

Restaurantes bem bacanas de conhecer:

Benihana em Beverly Hills - eles preparam a comida em uma grande chapa quente e fazem vários malabarismos e a comida é divina. 

Endereço - 38 N. La Cienega Blvd. Beverly Hills, CA 90211

Fogo de Chão em Beverly Hills - muitas pessoas me pedem uma churrascaria quando estão nos Estados Unidos. Não sei se vocês são tão fãs assim, mas deixo aqui o endereço de qualquer maneira ok?! No almoço sai 36 dólares e no jantar 61 dólares por pessoa.

Endereço -133 N. La Cienega Blvd., Beverly Hills

Mercado em Hollywood - um restaurante mexicano que abre só para o jantar. O lugar é lindo, bem colorido e a comida deliciosa!

Endereço3413 Cahuenga Blvd. West, Los Angeles, California 90068

 

Dia 02

Dia de voltar ao Brasil. Boa viagem queridos!